Bolsonaro permite adiamento de contrato de trabalho e salários por 4 meses – Coronavírus – Noticias Brasil

A medida anunciada pelo Presidente faz parte de um conjunto de ações do governo federal para combater o novo coronavírus.

presidente Jair Bolsonaro, em publicação extra no Diário Oficial da União, editou uma medida provisória que permite, conforme o texto, a suspensão de contratos de trabalhos e salários por até quatro meses durante o período de pandemia no país.

A medida anunciada pelo Presidente Bolsonaro faz parte de um conjunto de ações do governo federal para combater o novo coronavírus. Até o fechamento da matéria já foram confirmados 1.620 casos no país. São 25 mortes no total.

É importante lembrar que, como se trata de uma medida provisória (MP), o texto passa a valer imediatamente. Porém, o documento precisa ser aprovado pelo Congresso Nacional no prazo de até 120 dias para não perder a validade. A equipe do presidente Bolsonaro defende a proposta como forma de evitar demissões em massa.

Segundo consta na Medida Provisória, a suspensão dos contratos deve ser feita de modo que, no período, se garanta a participação do trabalhador em curso ou programa de qualificação profissional não presencial oferecido pelo empregador ou alguma entidade.

A medida provisória

medida provisória também estabelece que:

  • empregador não precisará pagar salário no período de suspensão contratual. Porém, o mesmo “poderá conceder ao empregado ajuda compensatória mensal” com valor negociado entre as partes
  • nos casos em que o programa de qualificação previsto não for oferecido, será exigido o pagamento de salário e encargos sociais, e o empregador ficará sujeito a penalidades previstas na legislação
  • suspensão dos contratos não dependerá de acordo ou convenção coletiva, mas poderá ser feito de forma individual ou coletiva a suspensão do contrato será registrada em carteira de trabalho física ou eletrônica
  • os acordos individuais entre patrões e empregados estarão acima das leis trabalhistas ao longo do período de validade da MP para “garantir a permanência do vínculo empregatício”, desde que não seja descumprida a Constituição
  • os benefícios, como o plano de saúde, deverão ser mantidos

Combate ao coronavírus

Além da suspensão do contrato de trabalho e do salário, o Governo estabeleceu formas de combater os efeitos do coronavírus:

  • teletrabalho (por exemplo, trabalho à distância)
  • governo permitiu suspensão de férias para trabalhadores da área de saúde e de serviços considerados essenciais
  • empregador poderá decidir por antecipação de férias individuais, com aviso ao trabalhador até 48 horas antes
  • concessão de férias coletivas
  • aproveitamento e antecipação de feriados
  • banco de horas
  • suspensão de exigências administrativas em segurança e saúde no trabalho
  • direcionamento do trabalhador para qualificação
  • adiamento do recolhimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS)

Férias

Sobre a antecipação e a possível suspensão de férias, a MP do presidente Jair Bolsonaro estabelece que:

  • férias antecipadas, individuais ou coletivas, vão precisar ser avisadas até 48 horas antes e não podem durar menos que 5 dias
  • férias podem ser concedidas mesmo que o período de referência ainda não tenha transcorrido
  • quem pertence ao grupo de risco do coronavírus será priorizado para o gozo de férias
  • profissionais de saúde e de áreas consideradas essenciais podem ter tanto férias quanto licença não remunerada suspensas
  • flexibilização do pagamentos de benefícios referentes ao período
  • O Ministério da Economia e sindicatos não precisam ser informados da decisão por férias coletivas

QUE TER ACESSO AO NOSSO GRUPO VIP DO WHATSAPP E FICAR POR DENTRO DE DIVERSAS VAGAS?

CLIQUE EM ” ENTRAR NO GRUPO” QUE VOCÊ SERA DIRECIONADO AUTOMATICAMENTE!

CURTA A NOSSA PAGINA NO FACEBOOK:

 

 

 

Entenda o nosso trabalho aqui no blog:


TRABALHE CONOSCO – 

  • Leia com atenção todas as informações da(s) vaga(s) antes mesmo de se candidatar.
  • É importante que o envio do currículo seja feito apenas se o candidato realmente estiver dentro do perfil exigido pela empresa ou instituição.
  • O site TRABALHE CONOSCO apenas divulga as oportunidades. Não temos responsabilidade com as vagas postadas, não recebemos currículos, tampouco participamos de qualquer fase do processo de recrutamento e seleção.
  • O site TRABALHE CONOSCO é totalmente gratuito, portanto, não cobramos nenhum valor ou qualquer tipo de taxa dos candidatos às vagas aqui divulgadas.
  • Duvide de qualquer cobrança vinda em razão de alguma oportunidade anunciada.

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *